Capa da Publicação

As 10 melhores revistas da Marvel em 2014!

Por Leo Gravena

A Casa das Ideias realmente abraçou seu nome e aqui estão os 10 melhores títulos da editora em 2014. E que 2015 seja tão bom quanto!

Imagem de capa do item

10 - Moon Knight

Escritor: Warren Ellis Arte: Declan Shalvey

Cavaleiro da Lua sempre foi um herói classe C ou menor. Mesmo com diversas HQs solos, a contraparte do Batman na Marvel sempre pareceu ser apenas isso. Ele é milionário, defende aqueles que viajam na noite, múltiplas personalidades. Cavaleiro da Lua sempre teve tudo para ser um herói interessante, porém apenas não conseguia chegar lá.

Warren Ellis escreveu seis edições, que formam o primeiro volume da trama, e conseguiu fazer tudo isso e muito mais. Marc Spector, o Cavaleiro da Lua, tornou-se um herói de rua e entre combater psiquiatras loucos na companhia de psicotrópicos e resgatar garotinhas de sequestro no que mais pareceu um videogame de plataforma. Marc Spector se transformou em uma incógnita que está muito mais acima do que “apenas” mais um Herói classe C.

Imagem de capa do item

9 - Fantastic Four

Escritor: James Robinson Arte: Leonard Kirk

O Quarteto Fantástico pode muito bem ser considerado uma constante no universo Marvel. A mais antiga família e equipe sempre teve seus altos e baixos, até que chegaram os uniformes vermelhos, as fraudes e sabotagens. Marvel já anunciou: Em 2015 o Quarteto Fantástico irá acabar. Mas o caminho até lá não poderia estar sendo melhor.

Robinson é um escritor mais do que competente, ele faz com que todo os integrantes do quarteto sejam gostáveis, mas ainda assim continuem humanos. Eles cometem erros, falam coisas das quais se arrependem. Eles não são uma família perfeita, porém esse não é a sua aspiração. O que eles desejam é estarem juntos e lutarem contra o crime. Porém com as armações de um misterioso inimigo, Sue, Reed, Johnny e Bem veem tudo aquilo que eles construíram durante décadas, caírem diante de seus olhos. E não há nada que eles possam fazer para impedir. E se a fantástica analise e tortura mental feita por Robinson ainda não for o suficiente, a belíssima arte de Leonard Kirk deve fazer o trabalho de não desviar seus olhos enquanto você não terminar cada uma das fantásticas edições.

Imagem de capa do item

8 - Mighty Avengers

Escritor: Al Wing Arte: Greg Land

Desde sua idealização, os Poderosos Vingadores tinham muito o que provar. Primeiro: De que eram mais do que apenas uma equipe feita para colocar as minorias do universo Marvel juntas e fazer algo apenas para serem “inclusivos”. Segundo: Provar que a escrita de Wing seria o suficiente para que os olhos não queimassem ao ver a péssima, nojenta e horrível arte de Greg Land. Obviamente eles se superaram nestes e em outros desafios.

Al Wing criou uma trama boa e divertida. Com comédia e ação no ponto certo, sem se esquecer de que eles ainda são seres humanos e possuem vidas pessoais. As tramas do passado do pai de Luke Cage sendo reveladas, a mini participação da belíssima “Urso”, direta das revistas do Homem de Ferro, a entrada do Marvel Azul para a equipe. Poderosos Vingadores provou ser muito mais do que uma equipe de “cotas”. E que, mesmo com diversos heróis afro-americanos e latinos, é feito para todos os públicos, como deveria ser.

Imagem de capa do item

7 - Hawkeye

Escritor: Matt Fraction Arte: David Aja

É impossível ter qualquer lista sobre os melhores quadrinhos da Marvel e não colocar a revista solo do Gavião Arqueiro nela. Fraction e Aja são uma equipe fantástica e se não fossem os constantes atrasos na revista, ela estaria em um ranking mais alto. Ainda assim, é impossível não amar o que Fraction e Aja fazem, seja com a edição focada no Pizza Dog, que pode facilmente ser considerada a melhor do ano, individualmente, ou a edição especial de natal feita com uma super equipe de “My Little Ponies” que ao invés de Pôneis são cachorros.

Clint e Kate estão separados e cada um está lidando com seus problemas de maneira pior que o outro. Entre os problemas amorosos de Barton e os problemas financeiros de Kate Bishop, não há como não se identificar com os Gaviões Arqueiros.

Imagem de capa do item

6 - Amazing Spider-Man

Escritor: Dan Slott Arte: Humberto Ramos

A era do Superior Homem-Aranha acabou. E temos a volta do Espetacular-Homem Aranha! Era obvio que um dia Peter Parker iria voltar e mesmo que Doc Ock tenha ficado por um tempo bem maior do que qualquer um de nós achou ele fosse ficar. Peter Parker é o Homem-Aranha, e não há quem diga o contrário.

Em uma trama bela e emocionante, Dan Slott encerrou a trama que havia começado no inicio do ano passado. Alguns sentirão falta de Otto, mas Peter voltou e já está tendo que lidar com diversos problemas na trama do Spider-Verso. 2014 está sendo um ano bem agitado para Peter...

Imagem de capa do item

5 - Captain Marvel

Escritora: Kelly Sue Deconnick Arte: David Lopez

“Você já viu uma garotinha correr tão rápido que ela cai? Tem um instante, uma fração de segundo antes que o mundo a alcance novamente... um momento em que ela ultrapassa qualquer duvida e medo que já teve sobre si mesma e ela voa. E nesse momento, toda garotinha voa. Eu preciso encontrar isso novamente. Como levar um carro no deserto e ver o quão rápido ele pode ir, eu preciso encontrar meus limites...

E talvez, se eu voar para longe o bastante, vou poder me virar e olhar o mundo... e ver aonde eu pertenço.”

Kelly Sue volta a escrever Capitã Marvel nas novas aventuras de Carol, dessa vez no espaço. E se Kelly Sue já provou inúmeras vezes que pode escrever, ela se superou com os dois primeiros arcos de Carol Danvers. Não é a toa que a personagem vai ganhar um filme em breve. Tudo isso é trabalho de Kelly Sue Deconnick, moldando a maior heroína do planeta terra diante de nossos olhos desde quando começou a escrever a personagem em 2012. E baseado em seus antigos e novos trabalhos, Kelly Sue irá sempre para o mais rápido, longe e alto. Sempre mais.

Imagem de capa do item

4 - New Avengers

Escritor: Jonathan Hickman Arte: Mike Deodato, Simone Bianchi, Kev Walker, Valerio Schiti e outros.

Há tempos Hickman ver armando uma grande trama em Novos Vingadores. Os Illuminati devem lutar contra a ameaça das Incursões e, entre bombas de terrigênio, guerras e traições, a equipe vai lentamente se desintegrando. Na busca pelo poder, vemos os maiores gênios do universo Marvel perderem a si mesmos.

Além de trazer uma fantástica nova personagem, Black Swan ou Cisne Negro, a constantemente belíssima arte de Mike Deodato, além de trazer novamente O Cabal e jogos de poder. Hickman questiona amados personagens sobre até que ponto eles conseguem ir para saltar a Terra e toda a realidade. Afinal, para salvar bilhões de vidas, bilhões e bilhões de outras devem ser sacrificadas. Quem está pronto para pagar esse preço? Aparentemente, todos e qualquer um, afinal, como já deixou claro Namor na edição 12, “O que costumávamos chamar de vida, tem pouquíssimo valor esses dias”.

Imagem de capa do item

3 - Uncanny X-Men

Escritor: Brian Michael Bendis Arte: Chris Bachalo e Kris Anka (Marco Rudy em uma edição)

Desde Vingadores vs. X-Men, Ciclope vem criando e dando forma a sua Revolução Mutante. Com a Entrada de Kitty Pryde e Dazzler para a equipe, a saída de Magneto, e a finalização da trama inicial do vilão com acesso a tecnologia da SHIELD atrás de Ciclope e sua equipe, Bendis se provou mais uma vez. Com tramas simples e emotivas, sem nunca deixar a ação de lado, Scott vem cada vez mais tornando-se o símbolo da revolução.

Não apenas a revolução está tomando forma, mas também como os novos mutantes, principalmente Eva Bell, a jovem de cabelo azul que cria bolhas temporais está se tornando uma importante aquisição, assim como Benjamin Deeds, cuja edição focada nele com Emma Frost pode, facilmente ser considera uma das melhores do titulo. E não podemos nos esquecer da magnífica edição 18, onde Kitty Pryde conversa com Ciclope sobre se juntar a equipe, e entre choro, ameaças e belos discursos, a adorada mutante se junta a Scott, Illyana e Emma Frost.

Imagem de capa do item

2- Black Widow

Escritor: Nathan Edmondson Arte: Phil Noto

Nathan Edmondson é um dos melhores escritores presentes na Marvel atualmente, Phil Noto um dos melhores artistas. Junte os dois, e o que sai? Simplesmente uma das melhores revistas publicadas atualmente sobre a assassina russa favorita entre 9 a cada 10 fãs dos Vingadores e da Marvel. Edsondson é tão fã da moça que até mesmo escreveu o inicio de um roteiro para um filme da Viúva Negra e publicou em seu blog.

Junto disso a arte de Phil Noto capta exatamente a essência de Natasha. O quão longe ela pode ir e ainda se chamar de heroína? Essa é a principal questão que ronda a personagem durante sua revista solo. Junto de seu “advogado” Isaiah Ross, Romanova divide seu tempo entre trabalhar como Mercenária, Vingadora e um ocasional trabalho para tirar sua “conta do vermelho”.

Imagem de capa do item

1 - Ms. Marvel

Escritora: G. Willow Wilson Arte: Jacob Wyatt

“Ms. Marvel, Kamala Khan, é o novo Homem-Aranha” me assustei a primeira vez que li esta frase. Porém é a pura verdade. Kamala é o novo Peter Parker. E talvez essa seja a razão para a jovem muçulmana ser um sucesso de critica e vender mais do que qualquer outro titulo da Marvel em plataformas digitais. Kamala apela para a juventude, e não apenas isso. Ela traz de volta tudo aquilo que fez com que vários dos fãs de quadrinhos amavam quando entraram neste mundo.

Ela tem que equilibrar sua família, seus poderes e origens, suas amizades e o colégio. Tudo isso enquanto aspira a ser uma grande heroína. Adotando o titulo de Ms. Marvel, Kamala é uma nova inumana (e talvez a de mais sucesso) ativada após a explosão de terrigênio causada por Black Bolt. Atualmente está sendo acompanhada de Lockjaw e já teve seu team-up com Wolverine.

A jovem que escrevia fanfictions na internet e cita memes como o “doge” apela para uma juventude que entre tramas amorosas complicadas, problemas financeiros ou violência somente para o bem de vender quadrinhos com umas cenas de luta no meio, se via em falta de uma heroína que englobasse o século 21. Que não fosse uma super modelo, ou uma adolescente de 16 anos que é frequentemente desenhada como tendo 26 (olha para Hope Summers).

Kamala Khan é o novo Homem-Aranha... E não há nada que os "haters" possam fazer.

Imagem de perfil
Leo Gravena

Editor | Ele/Dele | @LeoGravena
Escrevo sobre cultura geek na internet desde 2012
"Don't look back -- the past is exactly where it belongs."