Capa da Publicação

10 histórias do Batman que quase todo fã ama!

Por Guilherme Souza

Ao longo dos anos, o Batman se consagrou como um dos personagens mais importantes das histórias em quadrinhos. Criado como um oposto para a representação do Superman, o Morcego viveu e vive até hoje, histórias marcantes e emocionantes.

Em 2018, o herói completou 79 anos de existência e, no próximo dia 15 de setembro, comemoraremos mais um “Batman Day”, a celebração mundial dedicada ao Batman. Por isso, resolvemos listar algumas histórias icônicas e memoráveis, nas quais a grande maioria dos fãs concorda que são incríveis.

Imagem de capa do item

A Piada Mortal

Por mais que não saibamos exatamente a origem definitiva do Coringa (já que existem 3 deles no Universo DC dos quadrinhos), muitos consideram que A Piada Mortal é, de fato, a origem do personagem.

Na história, descobrimos que o Batman foi o responsável indireto pela criação do Coringa, algo que foi ligado com a primeira aparição do herói em Detective Comics #27, além disso, a história foi responsável por deixar Bárbara Gordon, a Batgirl, paraplégica.

Imagem de capa do item

O Cavaleiro das Trevas

Muitos acreditam que Frank Miller fez uma verdadeira obra-prima ao escrever a icônica saga O Cavaleiro das Trevas, que mostra um Bruce Wayne mais velho e aposentado de seus dias como o cruzado encapuzado.

A história que se passa em um universo alternativo ganhou uma legião de fãs e se popularizou através da animação de mesmo nome e por servir de referência para Batman vs Superman: A Origem da Justiça.

Imagem de capa do item

A Queda do Morcego

Você pode até não saber, mas o terceiro filme do Batman de Christopher Nolan foi inspirado por A Queda do Morcego. Por mais que ele se chame O Cavaleiro das Trevas Ressurge, a narrativa do longa mescla um pouco do que vimos em A Queda do Morcego e Terra de Ninguém.

Aqui, vemos como o Bane derrota o Batman e quebra a coluna do herói ao meio, que acaba tendo como substituto o assassino Azrael. Depois de se recuperar, Batman consegue finalmente derrotar o Bane, mas precisa tirar Azrael de jogo, já que os métodos de justiça do assassino iam contra tudo o que o Batman acreditava.

Imagem de capa do item

A Corte das Corujas

Muita gente não gosta do arco Novos 52 dos quadrinhos da DC, entretanto, o Batman foi um dos que beneficiou desse arco, tendo algumas histórias interessantes que enriqueceram ainda mais a mitologia do morcego.

Uma dessas histórias foi A Corte das Corujas, que nos apresentou a sociedade secreta de magnatas de Gotham, que sempre comandaram tudo o que acontecia na cidade pelos bastidores e que formavam uma poderosa sociedade secreta que não poupava esforços para eliminar quem entrava no caminho deles.

O mais interessante desse arco, foi a ligação da Corte com a morte dos Wayne e até mesmo com o circo onde a família de Dick Grayson vivia.

Imagem de capa do item

O Longo dia das Bruxas

Muitos fãs gostariam que o próximo filme solo do Batman fosse inspirado em O Longo dia das Bruxas, já que a história é um belo exemplo de toda a essência detetivesca do Morcego.

Em O Longo dia das Bruxas, vemos o Batman tentando desvendar uma série de assassinatos misteriosos e tentando entrar na mente do assassino. Além de uma trama completamente envolvente, a história conta com aparições de personagens icônicos do cânone do Batman e um final completamente inesperado.

Imagem de capa do item

Morte na Família

Muitos achavam Jason Todd, o segundo Robin, um verdadeiro porre. Tanto que muitos leitores fizeram uma petição para que a DC Comics se livrasse do personagem de vez e isso aconteceu através da história Morte na Família.

Na história, vimos Todd sendo capturado e morto pelo Coringa, algo que apesar de ter atendido o pedido dos fãs, ainda foi extremamente chocante. Felizmente, descobrimos tempos depois que Jason foi revivido e renasceu como o incrível anti-herói Capuz Vermelho.

Imagem de capa do item

Silêncio

Depois da morte de Jason Todd, o Batman ficou atormentado por meses e se negava a encontrar um novo parceiro para lhe ajudar no combate ao crime, Porém Tim Drake apareceu e o morcego voltou a tocar sua vida normalmente.

Infelizmente, a vida do Batman não é fácil e assim, um novo inimigo surgiu na cidade, disposto a tudo para matar o Homem-Morcego e seus aliados. Em Batman: Silêncio, vimos pela primeira vez Bruce Wayne revelando sua identidade secreta para a Mulher-Gato, além dos primeiros indícios de que Jason ainda poderia estar vivo.

Imagem de capa do item

Ano Um

Frank Miller já havia mostrado que sabia como escrever boas histórias do Batman, mas em Ano Um, o autor mostrou que era capaz de mexer até mesmo com a origem do herói.

Como o nome diz, na história, vemos o primeiro ano de exercício do Batman, ainda desconhecido pelos moradores de Gotham e tentando aprender a como ser um herói. Mas o mais interessante, é que a história nos mostra um pouco da perspectiva do jovem Jim Gordon sobre a situação da cidade, que acaba se convencendo de que eles precisam do Batman.

Imagem de capa do item

Detective Comics #27

Não podemos falar de histórias memoráveis do Batman sem citar sua primeira aparição nos quadrinhos. Em Detective Comics #27, acompanhamos a história “O Caso do Sindicato Químico”, onde vimos um homem ganancioso que matou seus sócios para assumir o controle de uma Indústria Química.

A história serviu como introdução para o Batman e, no final, o assassino acabou caindo em um dos tonéis de produtos químicos da indústria (isso soa familiar?).

Imagem de capa do item

Batman #1

Por fim, não podemos deixar de citar a primeira revista solo do morcego, responsável por estabelecer sua origem e carregar muitos dos conceitos que conhecemos hoje através das eras.

Na história de Bob Kane e Bill Finger, descobrimos como um jovem órfão se tornou o cruzado encapuzado, além de vermos pela primeira vez alguns dos icônicos vilões do cânone do herói, como por exemplo a Mulher-Gato (que era conhecida como “A Gata”) e o Coringa!

Imagem de perfil
Guilherme Souza

Outra grande manchete: 'Água, molhada!'