Capa da Publicação

10 Coisas que queremos ver na série em live-action de “A Lenda de Aang”!

Por Guilherme Souza

Ontem (18), a Netflix anunciou que está trabalhando em uma série em live-action baseada na animação “Avatar: A Lenda de Aang”. Considerada uma das melhores animações dos últimos anos, a história de Aang reúne elementos de ação com drama, política, romance, humor e tudo o que a torna única e memorável.

Com base no anúncio, listamos algumas coisas que gostaríamos de ver na série, elementos que são imprescindíveis para que ela seja um verdadeiro sucesso.

Imagem de capa do item

A relação entre Sozin e Roku

Roku foi o Avatar que veio antes de Aang e ele é de grande importância para o jovem garoto. Roku era um morador e dobrador da nação do fogo e também um dos melhores amigos de Sozin, o senhor do fogo responsável pelo ataque que oprimiria as demais nações pelos próximos 100 anos.

Logo na abertura da animação, somos informados de que Roku desapareceu misteriosamente. Porém seria interessante se a série em live-action desse um contexto maior para isso e formasse um prequel, antes de introduzir de fato a história de Aang.

Embora a animação explique muito bem o passado de Roku através de um flashback de Aang, seria ótimo vermos isso sendo melhor trabalhado na série.

Imagem de capa do item

As Guerreiras Kyoshi

Como o nome diz, as Guerreiras Kyoshi são um grupo de lutadoras que foram inspiradas pela antiga Avatar Kyoshi.

Na animação, as guerreiras são responsáveis por tentar ajudar a defender o Reino da Terra da Nação do Fogo, porém elas poderiam ganhar mais importância na série e serem mostradas como uma força de elite que realmente ajuda o Avatar em sua jornada.

Imagem de capa do item

Como o ataque da Nação do Fogo afetou o resto do mundo

Quando o Senhor do Fogo Sozin atacou as demais nações como parte de seu plano de dominação mundial, muitos morreram e os que sobreviveram passaram a viver em condições precárias. Por mais que a animação tenha mostrado um pouco dos efeitos desse ataque, temos de considerar que tudo foi muito suavizado para se encaixar na linguagem do público-alvo.

Seria interessante se a série em live-action mostrasse uma versão mais sombria e realista do ataque. Também gostaríamos de ver como as pessoas passaram a viver depois que a ditadura na Nação do Fogo foi instaurada.

Imagem de capa do item

A vida de Aang antes de se congelar

Assim como os demais avatares, Aang era um garoto comum e com uma vida simples, porém a pressão de ter que se tornar um Avatar fez com que o garoto fugisse e acabasse ficando congelado por 100 anos.

Seria interessante vermos esse contraste entre a vida alegre do garoto e os momentos que precederam o anúncio de que ele será o novo Avatar. As cenas serviriam de base para a personalidade brincalhona do garoto, que teve de ficar mais durão com o decorrer da história.

Imagem de capa do item

Aang aprendendo a dobrar os outros elementos

O aprendizado de Aaang também é outro elemento crucial na história da animação, afinal, o fato de ter ficado preso no gelo por 100 anos, impediu que o garoto aprendesse a dobrar outros elementos além do ar.

As dificuldades de aprendizado de Aang e seus tutores são imprescindíveis para a história e isso deve ser trabalhado de maneira correta pela série, mostrando que mesmo ele sendo um ser extremamente poderoso, ainda possui falhas humanas.

Imagem de capa do item

Tribo da água do Norte

A viagem de Sokka, Aang e Katara para a Tribo da Água do Norte é o tema central do primeiro arco da animação, Com isso, é claro que a série terá de mostrar o local se quiser se manter fiel ao material original.

Porém além do local, a Tribo da Água do Norte é de grande importância no aprendizado de Aang, além de ser carregada de muito valor emocional para Sokka e Katara. Só espero que eles adaptem melhor a princesa Yue do que a versão dos cinemas.

Imagem de capa do item

O conflito interno de Zuko e a relação com seu pai

Uma das tramas centrais da animação, é como Zuko tenta a todo o custo capturar o Avatar, como uma forma de se redimir perante seu pai e a nação do fogo.

A complexidade de Zuko e seus conflitos internos, bem como sua evolução ao longo da história são incríveis, assim como sua história de pano de fundo. A história de Zuko também se ramifica para outros personagens, como por exemplo sua irmã, Azula e seu tio, Iroh, que também são muito importantes.

Imagem de capa do item

Ba-Sing-Se

Quando a Nação do Fogo atacou, as demais nações tentaram se proteger e muitas delas até que conseguiram, como é o caso da Tribo da Água do Norte e de Ba-Sing-Se, a capital da maior cidade da Nação da Terra.

Lar do rei da terra, Ba-Sing-Se é uma cidade exuberante e muito avançada, além de ser o palco de um dos momentos mais importantes da saga. Será incrível se pudermos rever o confronto entre Aang e Rei da Terra, agora em live-action.

Imagem de capa do item

A evolução dos poderes de Katara

Katara é uma das personagens mais poderosas e emblemáticas da animação. Com isso, é óbvio que ela merece seu devido destaque na série da Netflix.

Ao longo da história, Katara passa de uma garota inocente e inexperiente com sua dobra de água, para se transformar em uma mulher forte e muito poderosa. Mesmo com tanto poder, a garota prefere usa-los para o bem e como fonte de cura. Contudo, as situações adversas fazem com que ela tenha que descobrir um lado sombrio de si mesma, se tornando uma das poucas dobradoras de sangue!

Imagem de capa do item

Lutas incríveis com dobras

Não poderíamos falar de Avatar sem citar as grandes batalhas. Ao longo da animação, vimos muitos confrontos épicos com os mais variados elementos.

Para ser impactante visualmente, a série precisa trabalhar bem essas lutas e contar com bons efeitos especiais. Obviamente, isso exigirá um grande orçamento, mas se a plataforma realmente está disposta a fazer algo fiel, ela precisará investir.

Imagem de perfil
Guilherme Souza

Outra grande manchete: 'Água, molhada!'