Caverna do Dragão: Qual é o verdadeiro final do desenho?

Ícone de dataÍcone de data 83 – Saiba qual teria sido o final de Caverna do Dragão e porque o desenho foi cancelado!

Por Gus Fiaux Dentre os desenhos que marcaram época, poucos são tão amados e reverenciados quanto Caverna do Dragão. A história, levemente baseada no RPG Dungeons & Dragons, seguia um grupo de jovens em aventuras fantásticas por um mundo bem diferente do nosso, enquanto recebiam os conselhos do Mestre dos Magos e enfrentavam o terrível Vingador.

Porém, o fim da série ainda é motivo de um grande tabu entre os fãs. Muitos não sabem exatamente o que aconteceu no último episódio, tanto pelo modelo de exibição fragmentada no Brasil quanto pelas várias lendas urbanas que se criava a respeito do final. E é pensando nisso que aqui iremos sanar suas dúvidas e explicar exatamente o que rolou no final de Caverna do Dragão e por que a série foi cancelada?

Qual a história de Caverna do Dragão?

Uma parceria entre a TSR (a empresa de jogos de D&D) e a Marvel Productions, Caverna do Dragão foi a famosa série animada exibida entre 1983 e 1985, lançada originalmente na emissora CBS. A série teve três temporadas e um total de 27 episódios, contando a história de um peculiar grupo de amigos que são transportados para o "reino de Dungeons & Dragons", ao passarem em uma montanha-russa em um parque de diversões.

Os amigos são Hank, o arqueiro; Eric, o cavaleiro; Diana, a acrobata; Sheila, a ladina; Presto, o mago e Bobby, o bárbaro. Ao chegarem nesse mundo, eles encontram o Mestre dos Magos, um sábio poderoso que os auxilia em sua jornada através de conselhos enigmáticos e misteriosos, além do Vingador, um medonho vilão cheio de ódio no coração.

Ao longo da jornada, sua principal meta é encontrar um caminho de volta para casa, mas para isso eles precisam dar ajuda a várias pessoas e enfrentar criaturas estranhas, enquanto formam um elo único e inabalável. A série acabou antes de ter seu final planejado, e isso levou a várias teorias da conspiração e lendas urbanas sobre o que aconteceria nesse encerramento.

Diana em Caverna do Dragão.

Qual foi o último episódio exibido de Caverna do Dragão?

O último episódio exibido de Caverna do Dragão se chama "The Winds of Darkness" - ou, no Brasil, "A Névoa da Escuridão". Ele é o sexto capítulo da terceira temporada e o vigésimo sétimo episódio da série, no geral. O capítulo foi exibido no dia 7 de dezembro de 1985.

Na história, vemos os heróis enfrentando um vilão sinistro chamado Darkling (uma das muitas criaturas que existem no mundo de Dungeons & Dragons). Esse ser é capaz de produzir uma névoa sinistra que suga a energia vital das suas vítimas. E para a surpresa de todos, Hank - o líder da equipe - é capturado pela neblina.

Assim, os heróis precisam encontrar uma forma de derrotar o Darkling e salvar o herói - e quem assume a dianteira do grupo é Eric, que precisa mostrar sua evolução e seu altruísmo. E para ajudá-los em sua missão, eles precisam convencer uma idosa chamada Martha - antiga pupila do Mestre dos Magos.

Os protagonistas da animação.

Os personagens de Caverna do Dragão estão mortos?

Essa é uma das principais lendas urbanas criadas em torno de Caverna do Dragão, levando a inúmeras teorias, debates e discussões em fóruns. Para piorar, supostas cartas de envolvidos na produção ajudavam a "confirmar" a história, mas no fim, tudo não passa de uma teoria dos fãs.

Quem desmentiu essa teoria foi Michael Reaves, um dos principais roteiristas da animação que inclusive tinha escrito o roteiro do último episódio, que nunca foi ao ar. Na verdade, descobrimos que todos os jovens de fato estão em um universo alternativo habitado por monstros e criaturas.

Mais do que isso, o episódio final terminaria em aberto e daria a eles a chance de voltar ou não para casa. Se eles retornassem, voltariam às suas vidas normais, mas caso ficassem naquele mundo, teriam a oportunidade de lutar contra outras ameaças e conhecer novas criaturas e lugares míticos.

Arte da série animada.

Qual o final de Caverna do Dragão e por que ele foi descartado?

Caverna do Dragão teria um último episódio chamado "Requiem" (ou "Réquiem", em português brasileiro), que seria o vigésimo oitavo capítulo da série. Na história, o Vingador e o Mestre dos Magos se encontram e o vilão propõe um desafio: ele vai tentar seduzir os heróis em seu caminho enquanto o Mestre dos Magos recusa ajudá-los. Caso os heróis resistam e mantenham-se fiéis ao Mestre, o próprio Vingador os levaria de volta para casa.

Eventualmente, eles são enviados em uma perigosa missão e se arriscam com vários perigos, mas o Mestre dos Magos aparece e os ignora, sabendo que eles seriam leais a ele. Depois, o Vingador surge e diz que os levará para casa, acusando o Mestre dos Magos de ser o grande vilão e responsável para que eles continuassem naquele reino. Isso divide a equipe.

De um lado, PrestoEric Sheila decidem acreditar no Vingador, enquanto HankDianaBobby (e Uni) ficam do lado do Mestre dos Magos, mesmo sem entender seus propósitos. No fim, os dois grupos se juntam novamente, há uma grande batalha final e é revelada sua grande missão na terra de Dungeons & Dragons: eles deviam auxiliar o Vingador a se redimir.

Com isso, uma teoria dos fãs se confirmava: o Vingador é filho do Mestre dos Magos, que foi corrompido por seguir outro mestre maligno. No fim, a história encerra com o final aberto que já mencionamos e todos os heróis recebem a oportunidade de voltarem ao mundo real ou continuarem nesse reino fantástico.

Por que Caverna do Dragão foi cancelada?

Houve muitos rumores e teorias a respeito do que teria motivado o cancelamento de Caverna do Dragão. Nesse período, havia muitas discussões sobre o teor sombrio e violento da animação - ao mesmo tempo em que Dungeons & Dragons, o jogo de RPG, era o centro do pânico satânico nos Estados Unidos, com notícias sensacionalistas e conservadoras atrelando o jogo ao Diabo e à conversão de crianças em satanistas.

Porém, de acordo com o roteirista Michael Reaves em seu site oficial, os motivos foram outros. Aparentemente, surgiram "problemas com a TSR, a empresa detentora de 'Dungeons & Dragons', acabaram matando os planos para outra temporada".

E quem também falou sobre o assunto foi Mark Evanier, um dos criadores da série e roteirista de vários episódios. Em seu blog, ele disse:

"Do que eu sei, os protestos foram mínimos e não tiveram impacto. A série só começou a perder audiência, como costuma acontecer com outras séries".

O Vingador em Caverna do Dragão.

O final "não-oficial" de Caverna de Dragão

Com toda a comoção a respeito do final (e as várias lendas urbanas criadas em torno disso), o roteirista Michael Reaves acabou divulgando, em seu site, o roteiro do último episódio da série em 2010, esclarecendo as dúvidas e questões dos fãs. De lá para cá, o projeto foi adaptado algumas vezes - e há uma forte participação brasileira nessas versões.

Em 2011, o roteirista e desenhista Reinaldo Rocha criou uma versão ilustrada do roteiro, em forma de quadrinhos. Se você tem interesse em ler essa adaptação, pode encontrá-la aqui.

Em 2020, os fãs Ryan Nead Marshall Hubbard decidiram criar uma versão animada do final, usando várias cenas das animações originais e incorporando várias vozes, efeitos e até mesmo alguns novos elementos animados para contar essa história. O vídeo fez bastante sucesso e, em 2021, eles lançaram uma versão dublada em português brasileiro, em honra aos fãs brasileiros.

O "episódio não-oficial" segue todas as batidas do roteiro de Michael Reaves e adiciona apenas uma coisa nova: em vez de um final aberto, os personagens de fato fazem suas escolhas se querem voltar para casa ou não. Todos optam por retornar ao mundo real, menos Presto - que decide ficar e se tornar um mago ainda mais poderoso, tornando-se aprendiz do Vingador.

Você pode conferir o vídeo dublado abaixo:

Mas e você, sabia todos esses detalhes sobre Caverna do Dragão? Comente aqui!

Abaixo, confira também:

Sábado Animado: 10 desenhos que marcaram uma geração

Relembre grandes clássicos das manhãs de sábado

Assistir desenhos na TV aberta era uma tradição entre as crianças dos anos 90 e 2000, com alguns programas que mergulhavam no universo todos os dias. Mas os finais de semana eram especiais, pois as manhãs de sábado tinham as suas animações exclusivas: os clássicos do Sábado Animado.

Exibido pelo SBT, o programa dispensava apresentadores e era dedicado a horas de animação de qualidade variável, interrompido apenas pelos diversos intervalos comerciais. Com o seu estilo diferente, o Sábado Animado cativou as crianças de toda uma geração. Para homenagear esses grandes momentos, separamos 10 desenhos exibidos pelo programa que marcaram a infância de toda uma geração.

Os Gárgulas

Os Gárgulas era um desenho muito à frente de seu tempo que conquistou as crianças mais velhas que assistiam Sábado Animado. Na trama, um clã de gárgulas milenárias despertava nos dias atuais para proteger a cidade de Nova Iorque de ameaças enigmáticas. E esses inimigos eram os mais diversos, desde aliens aos Illuminati.

A animação trazia uma narrativa mais séria do que o normal para os padrões da época, chegando a ser comparada a desenhos do Batman, e também uma qualidade impecável. Recentemente relançado no Disney+, o desenho ainda é reverenciado por sua mitologia profunda que se expande a cada nova temporada.

Mr Bumpy

Como a própria abertura avisa, Mr Bumpy é demais! Misturando cenários reais com animação de massinhas em stop motion, esse é um daqueles desenhos que mirava nos sonhos mais nojentos da garotada.

O tal do Mr Bumpy era um monstrinho melequento que se esconde embaixo da cama de um garoto, comendo meias sujas e toda a bagunças que encontrava pelo quarto. Entre músicas animadas e lições nada morais, ele divertia o público com um senso de humor sem noção que lembra o Mau de Castelo Rá-Tim-Bum e a inventividade de Apenas um Show.

Liga de Mutantes

Imagine um desenho de esportes que traga a violência visceral de Invencível e você provavelmente terá Liga de Mutantes em mente. Inspirado em jogos de mesmo nome da Electronic Arts, a animação trazia um grupo de atletas transformados em monstros horrendos por um gás tóxico que competia em diversos esportes usando suas habilidades especiais.

Não demorava para essas partidas ficarem surpreendentemente violentas, com bolas atravessando o corpo de mutantes, acidentes esportivos que resultavam em decaptação ou decepamento de membros… Enfim, era um caos total, mas era muito divertido.

Os Ursinhos Carinhosos

Os Ursinhos Carinhosos estão aqui para ajudar! Se já pareceu difícil para a Marvel trabalhar uma grande equipe de heróis em Vingadores, imagina o esforço que a animação de Os Ursinhos Carinhosos não teve para reunir vários ursinhos com personalidades únicas e poderes diferentes em uma só animação. Mas no final deu certo!

Cada ursinho carregava um símbolo em sua barriga, sinalizando qual valor ele representava. O que começou como uma elaborada propaganda para vender mais cartões de aniversários e boas-festas acabou conquistando os corações de garotas e garotas que enxergavam valor nas mensagens de esperança dos ursinhos animados.

Corrida Maluca

Como explicar Corrida Maluca? Em tese, é um desenho de corrida, como dizia o nome. Mas os competidores tornavam tudo muito mais interessante. Entre monstros, patricinhas e vilões, cada um tinha uma série de truques que usava para tentar conquistar a liderança. Era basicamente uma versão animada e ainda mais pirada de Mario Kart!

E o melhor de tudo, é claro, era Dick Vigarista e Mutley! Essa dupla de mutreteiros não estava nem um pouco interessada em correr, apenas em ganhar e a cada episódio tramavam uma série de planos criativos que sempre terminava em fracasso. Ver a dupla perdendo sempre valia a pena só para poder ouvir mais uma vez a risada debochada de Mutley.

O Fantástico Mundo de Bobby

Quando se é criança, muitas vezes é preciso criar suas próprias brincadeiras usando o que sua imaginação conseguir criar. É exatamente essa essência inocente capturada por O Fantástico Mundo de Bobby, um desenho sobre um garoto que imagina suas próprias aventuras.

As aventuras do Bobby podiam ser qualquer coisa: desde uma missão no espaço a uma paródia dos desenhos mais populares da época. Essa era a graça do desenho, na real, você nunca sabia o que esperar, mas sempre se divertia no final.

101 Dálmatas

Para quem gostou dos filmes animados ou também quem foi conquistado pelo incrível filme da Cruella, a série animada de 101 Dálmatas é uma experiência incrível! Dessa vez, o foco sai de Perdita e Pongo para três de seus 99 filhotes: Pingo, Roliço e Queridinha. Eles têm personalidades muito contrastantes entre si e viram a nova fazenda da família de cabeça para baixo.

Mas nem tudo são flores, pois a fazenda tem uma vizinha para lá de desagradável: é ela, Cruella. A madame está obcecada em conseguir a fazenda dos dálmatas e vai tentar de tudo para alcançar o que quer. Ela só não contava que a nova geração de dálmatas fosse tão serelepe e inteligente, preparados para frustrar as suas tramoias.

Fly, O Pequeno Guerreiro

O único anime da lista,** Fly, O Pequeno Guerreiro** fez um tremendo sucesso no final dos anos 90, mas muita gente não sabe que esta é uma adaptação de uma série de jogos bastante aclamada: Dragon Quest, o grande pai dos JRPGs.

O anime explorava o universo dos games com um traço bem característico dos animes da época, bem parecido com o que era feito em Dragon Ball. A abertura é muito nostálgica, com vocais que lembram até A Turma do Balão Mágico. Um reboot foi lançado em 2020 para dar um fim digno à série, que foi cancelada prematuramente em 1993.

Os Cãezinhos do Canil

Que criança não gosta de cachorros, né? Bem poucas, eu garanto. E por isso eles eram super populares em desenhos dos anos 80. Em Os Cãezinhos do Canil, acompanhamos uma família de caninos antropomorfizados que estão sempre escapando da terrível Katrina e sua filha resmungona.

Medroso, o líder dos cachorrinhos, era sempre otimista e tentava ajudar todo mundo. Tinha também a Nose Marie, e os filhotes, Olhos Brilhantes e Ronca Ronca, que entravam em ação quando algum outro cãozinho estava em apuros precisando de um lar. Eles sempre encontravam o dono certo com o seu Poder Canino.

Os Valentes Cowboys de Moo Mesa

“Vacas Vaqueiras” pode parecer um conceito, no mínimo, inusitado. Mas por trás da proposta exótica de Os Valentes Cowboys de Moo Mesa, havia um desenho fenomenal. Na trama, um meteoro que caiu na Terra transformou animais em criaturas inteligentes. Assim, um trio bovino surge para defender a cidade de Mugido Bravo de inimigos mal intencionados.

Combinando conceitos de steampunk com o velho oeste, Cowboys de Moo Mesa conseguiu conquistar um público bem amplo de crianças que sonhavam com aventuras em terras misteriosas. E se os protagonistas animalescos te lembram outra animação, é porque Ryan Brown, criador do desenho, foi uma figura influente em Tartarugas Ninjas e usou sua experiência para construir este novo clássico.

Se você ficou interessado, o Maidana preparou um vídeo contando diversas curiosidades sobre o desenho. Vale a pena conferir!

sobre o autorGus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Demon to some... angel to others (ele/dele) || @gus_fiaux

Comentários via Disqus