Capa da Publicação

Quadrinho revela qual vilão é capaz de ser uma ameaça maior ao multiverso que Kang

Por Junno Sena

O Multiverso da Loucura não está apenas nos cinemas. Em Avengers: Forever, escrito por Jason Aaron e com arte de James Towe, os Vingadores tem presenciado a formação de um novo grupo de vilões: os Mestres do Terror do Multiverso. Porém, a última edição publicada mostrou que a verdadeira ameaça da equipe é uma versão alternativa de Victor Von Doom, o Doutor Destino Supremo.

Em Avenger: Forever #5, descobrimos mais algumas informações sobre essa variante. E, entre origem, métodos e as fontes de poder de Destino Supremo, somos apresentado a um perigo a existência do Multiverso que consegue se equiparar, ou até mesmo superar, o icônico Kang, o Conquistador.

A variante de Destino apareceu pela primeira vez em Avengers #50, uma edição especial que introduziu diversas das linhas temporais e inimigos que estão sendo desenvolvidos na atual série. Nela, vimos Mephisto se unir a esta versão sombria do vilão do Quarteto Fantástico e dar início a um plano que tem como principal objetivo matar os Vingadores da Pré-História e se assegurar que a Era de Ouro dos Heróis nunca chegaria.

Os Mestres do Terror do Multiverso em Avengers: Forever #5

Porém, Doom tem seus próprios planos para por em prática. Nesta quinta edição, o vilão explica o porquê de nunca ter se mostrado interessado em conquistar nenhuma das Terras que encontrou pelo Multiverso, algo que o resto da trupe do terror tem feito sem questionar.

Destino Supremo revela que seu plano é reunir variantes de si mesmo. Em cada uma dessas realidades, Doutor Destino encontra e escraviza uma variante sua. As que concordam com a sua “superioridade”, se unem ao grupo. Os que a negam, são mortos e sua pele serve como energia arcana para a armadura do vilão.

Através dessas viagens dimensionais, Doom já reuniu um longo time que agora está em um planeta vivo, outra variante do Doutor Destino. Veja a imagem abaixo:

Doom, o planeta vivo

Com uma história a la Arca de Noé, a origem de Doom Supreme vem após Victor ter previsto uma grande calamidade, em que “uma inundação irá levar todos os trabalhos do homem”. Foi então que o personagem decidiu salvar o que lhe era mais precioso no Multiverso: ele mesmo.

Mas, ele está longe de ser um salvador, sua jornada começou ao se ver matando uma versão alternativa sua. A situação lhe colocou em profundo êxtase e lhe deu mais poder para implementar em sua armadura. Uma que foi construída com a pele de Valeria, a única mulher que já amou.

Por enquanto, os planos de Destino não parecem ter entrado em conflito com a presença de Mephisto e o resto dos Mestres do Terror, mas quando se sentir satisfeito, o vilão promete ser um problema para qualquer um que se colocar em seu caminho.

Aproveite e continue lendo:

Imagem de perfil
sobre o autor Junno Sena

Pós graduando em Antropologia com o raio problematizador ligado no 120. Assiste filme trash para relaxar e dorme cantarolando a trilha sonora de A Hora do Pesadelo. Blaxploitation na veia e cinema coreano no coração. Atualmente mora em Petrópolis, RJ.