Tokyo Revengers: Linha de roupas do anime volta a causar controvérsias

Capa da Publicação

Tokyo Revengers: Linha de roupas do anime volta a causar controvérsias

Por Leo Gravena

Tokyo Revengers está se tornando, cada vez mais, um anime bastante popular, porém, boa parte dessa popularidade se deu através das polêmicas envolvendo a história e os símbolos usados no anime para representar o grupo formado pelos protagonistas: o manji, que no ocidente é conhecido como a suástica. Agora, o anime está causando controvérsias novamente com sua coleção de roupas, que possui diversas estampas com o símbolo.

Tudo começou quando as peças de roupa foram divulgadas no twitter, trazendo várias roupas inspiradas no anime que possuem o símbolo:

A partir dai se iniciou, novamente, toda a discussão sobre a utilização do manji no oriente e no ocidente, principalmente sobre como o símbolo permite que, principalmente no ocidente, muitas pessoas possam usá-lo de maneira ofensiva e, ao serem cobrados em relação a isso, dizer que é de um anime e não é algo ofensivo.

Outros contudo, acreditam que o anime traz uma oportunidade interessante para que o símbolo passe por uma desapropriação e volte a ter seu significado original lembrado, sendo um signo divino e religioso, estando mais presente no budismo e no hinduísmo. Caso você queira saber mais sobre toda essa problemática, a LH já explicou sobre o símbolo e seus significados aqui:

O manji é um símbolo bastante usado no mangá e anime

Em Tokyo Revengers, acompanhamos Takemichi Hanagaki, um rapaz de 26 anos que leva uma vida “fracassada” e, por algum motivo, acaba voltando doze anos no tempo quando sofre um acidente. De volta às suas épocas de rebelde adolescente, Takemichi se junta à Tokyo Manji Gang para tentar evitar um futuro desastroso.

Aproveite e confira também:

Imagem de perfil
sobre o autor Leo Gravena

Editor | @LeoGravena
Escrevo sobre cultura geek na internet desde 2012
"Don't look back -- the past is exactly where it belongs."