Capa da Publicação

Apagão na Twitch: Streamers farão greve de lives na plataforma

Por Evandro Lira

Um grupo brasileiro de criadores de conteúdo deu o pontapé ao movimento “Apagão da Twitch”, que promete uma greve de 24 horas na plataforma de transmissão ao vivo. O protesto incentiva que streamers e viewers não façam e nem assistam lives na Twitch no dia 23 de agosto, próxima segunda-feira.

O Apagão do Twitch reivindica maior transparência em relação aos dados da Amazon e um pagamento justo aos criadores de contéudo. A insatisfação dos streamers começou depois que a plataforma abaixou o preço de assinaturas no final de julho e não alterou os percentuais de repasse, impactando na receita recebida pelos criadores.

Anúncio do movimento Apagão na Twitch

A redução nos preços se deu pela aplicação do preço regional em subs e bits, o que fez com que as inscrições passassem a ser cobradas em reais e não mais em dólar. Com a justificativa de que a mudança surtiria efeitos positivos a longo prazo, a Twitch não alterou o repasse de 50% e nem o imposto de 30% que os streamers pagam pelas assinaturas.

Na semana passada, antes mesmo do Apagão da Twitch surgir, foi criada a União dos Streamers, grupo de criadores que se manifestaram a favor de mudanças na plataforma. Em seu site oficial, eles expressam todas as reinvindicações por meio de um texto que pode ser assinado por quem apoiar a causa. Clique aqui para conferir.

O Apagão da Twitch está previsto para acontecer no próximo dia 23 de agosto, segunda-feira.

Imagem de perfil
sobre o autor Evandro Lira

Editor, bacharel em Cinema e Audiovisual, bruxo nascido trouxa, filho dos filhos do átomo, mestre dos quatro elementos, fã de mais coisas do que deveria, frequentemente falando sozinho no Twitter. Segue: @evandroslira