Capa da Publicação

Joel Schumacher, diretor de Batman e Robin, morre aos 80 anos

Por Raphael Martins

Uma notícia triste para os fãs do Batman.  Joel Schumacher, diretor de Batman e Robin, morreu hoje, aos 80 anos de idade após uma longa batalha contra o câncer, segundo informações da Variety,

Além do quarto filme do cavaleiro das trevas, ele também dirigiu outros filmes famosos, como Os Garotos Perdidos, Um Dia de Fúria, Número 23 e Tempo de Matar.

Quanto Tim Burton deixou o universo do morcego depois de Batman: O Retorno, Schumacher foi o escolhido da Warner Bros. para dar continuidade às aventuras do herói nas telonas. Em 1995, dirigiu Batman Eternamente, estrelado por Val Kilmer como Batman e marcando a primeira participação do Robin nas telonas, interpretado pro Chris O’Donnell.

Com o sucesso de Batman Eternamente, a Warner encomendou Batman e Robin, também dirigido por Schumacher e lançado em 1997. O filme é até hoje visto com uma certa polêmica por algumas de suas decisões criativas, mas conforme o tempo foi passando, os fãs do herói foram aceitando melhor a produção e até se divertindo com ela, reconhecendo seus acertos e não a levando tão a sério.

Entre seus últimos trabalhos, estão alguns episódios da série House of Cards e do filme Reféns.

A Legião dos Heróis oferece suas condolências para a família e amigos de Joel Schumacher, que ele descanse em paz.
Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Redator, apresentador e roteirista. Gosto de longas caminhadas na praia, Star Wars, tokusatsu, anime e filé com batata frita. Deixo as pessoas constrangidas. Você pode trocar uma ideia comigo no Twitter: @aqueleraphael