Capa da Publicação

Dragon Ball Super: Moro humilha dois heróis no mangá, confira

·
Por Evandro Lira

O capítulo 62 de Dragon Ball Super, o mais recente da série, deixou os fãs completamente chocados ao trazer o vilão Moro matando cruelmente dois dos maiores heróis da franquia (via ComicBook).

Veja mais sobre Dragon Ball Super:

Dragon Ball Super: Moro descobre técnica devastadora em novo mangá

Ilustrador de Dragon Ball Super desenha Bardock e Goku fazendo Kamehameha juntos

Dragon Ball Super: Artista imagina nova forma de Moro em versão colorida

Nenhum dos Guerreiros Z vem tido êxito na batalha contra Moro, nem mesmo Vegeta e suas novas habilidades. Depois que Gohan e Goku tentam surpreender o vilão com um Kamehameha, Moro perde um braço, mas rapidamente se recupera graças as habilidades regenerativas de Piccolo.

A partir daí, Moro é sádico o suficiente para derrotar um por um dos seus oponentes e finalizar Goku perfurando seu peito com o próprio braço.

Como se não bastasse, depois que Piccolo tenta destruir Moro explodindo uma bomba de energia dentro da barreira em que o vilão os aprisionou, Moro perfura o herói através de seu estômago, o atirando longe.

Enquanto isso, Dende, o deus da Terra, parece estar disposto a ir ajudar os Guerreiro Z na batalha. Em determinado momento, enquanto assiste a luta da Plataforma Celeste, Dende anuncia que vai descer para restaurar a energia dos seus amigos. Isso deixou margem para muitas interpretações sobre o futuro – seria Dende a peça para a derrota de Moro, ou ele também será um alvo fácil nas mãos do vilão?

Outra pergunta que não quer calar é: será que Goku e Piccolo saem dessa vivos? Pelo histórico de Dragon Ball, é provável que sim. Mas o que vai acontecer nos próximos capítulos ainda é um mistério. Porém, em suma, o que sabemos é que Moro é certamente um dos mais cruéis e perigosos vilões de Dragon Ball.

Fique com:

Imagem de perfil
sobre o autor Evandro Lira

Bacharel em Cinema e Audiovisual, potterhead das antiga, filho dos filhos do átomo, fã de mais coisas do que deveria, frequentemente falando sozinho no Twitter. Segue: @evandroslira