Capa da Publicação

Disney anuncia que streaming terá maior foco na empresa

Por Evandro Lira

A Disney está passando por uma reestruturação em suas divisões de mídia e entretenimento. Com isso, a empresa anunciou que, a partir de agora, a empresa deve se concentrar ainda mais em serviços de streaming (via CBR).

Nesta segunda-feira (12), o CEO da Disney Bob Chapek, revelou que a companhia colocará seus esforços em desenvolvimento e produção de conteúdo original para as plataformas de streaming sob o guarda-chuva da Disney. Assim, foi criada uma nova divisão supervisionada por Kareem Daniel, que dará conta de toda essa parte.

“Dado o incrível sucesso do Disney+ e nossos planos para acelerar nossos negócios direto ao consumidor, estamos posicionando estrategicamente nossa empresa para apoiar de forma mais eficaz nossa estratégia de crescimento e aumentar o valor para os acionistas”, disse Chapek. “Gerenciar a criação de conteúdo de forma distinta da distribuição nos permitirá ser mais eficazes e ágeis em fazer o conteúdo que os consumidores mais desejam, entregue da maneira que eles preferem consumi-lo.”

A mudança ocorre exatamente durante um período histórico, onde a pandemia de coronavírus afetou toda a indústria cultural, especialmente os negócios de cinema. O streaming, por sua vez, foi beneficiado pelo evento e viu seus números de consumo aumentarem ainda mais durante todo 2020.

Os serviços de streaming, que serão o foco central da divisão de Mídia e Distribuição de Entretenimento da Disney incluem o Disney+, a Hulu e a ESPN+.

E aí, o que você acha da ideia da Disney em dar foco em produção e distribuição para streaming? Deixe seu comentário!

Fique com:

Imagem de perfil
sobre o autor Evandro Lira

Bacharel em Cinema e Audiovisual, potterhead das antiga, filho dos filhos do átomo, fã de mais coisas do que deveria, frequentemente falando sozinho no Twitter. Segue: @evandroslira