Homem-Aranha no Aranhaverso – Bilheteria do filme já passa dos 200 milhões de dólares!

Capa da Publicação

Homem-Aranha no Aranhaverso – Bilheteria do filme já passa dos 200 milhões de dólares!

Por Raphael Martins

Homem-Aranha no Aranhaverso, primeiro longa metragem animado do amigão da vizinhança, parece ser uma unanimidade entre os fãs do aracnídeo da Marvel como sendo uma das melhores produções audiovisuais estreladas pelo personagem. O sucesso entre o público e a crítica foi quase que instantâneo, mas faltava um quesito bem importante que determinaria seu êxito ou fracasso: a bilheteria.

Quanto a isso, os fãs do escalador de paredes podem respirar aliviados. Segundo o site The Hollywood Reporter, o filme já contabiliza $213.2 milhões de dólares nas bilheterias do mundo todo desde sua estréia. Embora tenha ficado em quarto lugar durante o último fim de semana, atrás de Aquaman, O Retorno de Mary Poppins e Bumblebee, o filme da Sony arrecadou mais $18 milhões de dólares na sexta e no sábado, com mais $60 milhões de outros países onde está em exibição nesse mesmo limite de tempo.

A bilheteria não chega muito perto da soma exorbitante de $1.242 milhões de dólares que Os Incríveis 2, da Pixar, arrecadou, mas supera bastante a de Jovens Titãs em Ação! Nos Cinemas, que conseguiu $52 milhões. Só no mercado americano, Homem-Aranha No Aranhaverso arrecadou até agora $103.6 milhões, com os outros $109.6 milhões vindos de outros países.

Esses números já tornam mais do que certa uma sequência, que já está sendo planejada pela Sony. O filme ainda não estreou no Brasil, mas do jeito que os fãs brasileiros do cabeça de teia são passionais, é bem possível que esse número aumente bastante.

Fique com a nossa galeria de imagens do filme aqui embaixo:

Homem-Aranha: No Aranhaverso estreia em 10 de janeiro no Brasil.

Fonte: Newsarama

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Redator, apresentador e roteirista. Gosto de longas caminhadas na praia, Star Wars, tokusatsu, anime e filé com batata frita. Deixo as pessoas constrangidas. Você pode trocar uma ideia comigo no Twitter: @aqueleraphael