Capa da Publicação

Game of Thrones – Fãs reescrevem o roteiro da oitava temporada!

Por Gus Fiaux

A oitava temporada de Game of Thrones chegou à HBO com muita polêmica e controvérsia. Para muitos fãs, foi a pior temporada da série, atraindo muita atenção negativa devido a algumas decisões referentes aos personagens centrais e à “pressa” na construção dos roteiros.

No entanto, os fãs não desistiram tão cedo da série – que ainda será motivo de debates e discussões por um bom tempo. Dessa vez, um fã e roteirista chamado David Whidden produziu sua própria versão do final da série, mudando vários elementos da trama que foi ao ar, e o seu vídeo sobre o assunto acabou viralizando na internet.

Você pode conferir o vídeo a seguir, em inglês e sem legendas:

Em sua versão do roteiro, Whidden alterou drasticamente o fim da série. Ele se propôs a fazer uma mudança que se encaixasse na proposta inicial de seis episódios para a última temporada, e as grandes mudanças começam a partir de The Long Night, o terceiro episódio do oitavo ano, que conta com a batalha de Winterfell.

Aqui, o povo de Winterfell se esconderia no castelo em vez da cripta, e só fugiriam para lá quando as muralhas da cidade fossem derrubadas pelos Caminhantes Brancos. Assim, Sansa Stark Tyrion Lannister seriam dois líderes corajosos lutando contra os vilões e salvando o povo.

Além disso, o Rei da Noite teria um confronto direto com Jon Snow após a morte de Theon Greyjoy. Os dois teriam uma grande luta e Snow o esfaquearia com a adaga de dragonglass, apenas para descobrir que o vilão seria imune aos efeitos do material conhecido por derrotar os Caminhantes Brancos.

Bran Stark então usaria seus poderes para “controlar” a mente de Viserion e atacar o vilão, algo que também não surtiria efeito. Então, o Rei da Noite esfaquearia o dragão, deixando Bran em um estado catatônico. A Batalha de Winterfell seria perdida e os sobreviventes teriam que buscar refúgio em Porto Real. 

Ao chegar à cidade, Cersei vê tudo como uma oportunidade de fazer Daenerys se curvar à ela. A Mãe dos Dragões então deixa seu orgulho de lado e aceita. Há então uma grande batalha em Porto Real, dos vivos contra o Rei da Noite. E Bran acaba acordando de seu estado vegetativo.

Ele então descobre que, para derrotar o vilão, os heróis precisariam queimar a árvore responsável por sua criação – e isso acaba destruindo toda a magia de Westeros, inclusive o que fez com que Jon Snow ressuscitasse após sua morte na quinta temporada.

Por fim, Cersei enlouqueceria e mandaria matar todos os servos de Daenerys após Arya Stark tentar matá-la, disfarçada como Jaime Lannister. A rainha admitiria para o verdadeiro Jaime que sua gravidez era uma farsa para tentar controlá-lo. Ele ficaria revoltado e a mataria, assim como fez com o Rei Louco.

Daenerys então assumiria o trono e se revelaria grávida de Jon Snow. Ao fim da série, ela iria com seu filho até o túmulo de Snow, em Winterfell, e revelaria que ele é o próximo na linha de sucessão do trono.

O que acham desse roteiro? Teria sido melhor que o da oitava temporada? Deixem nos comentários!

 

Na galeria abaixo, fique com imagens da série:

Você pode reassistir as oito temporadas de Game of Thrones na HBO GO.

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux