Capa da Publicação

Coringa – Martin Scorsese afirma que considerou seriamente dirigir o filme!

Por Raphael Martins

No centro de uma grande polêmica sobre filmes baseados em quadrinhos, Martin Scorsese, o lendário diretor de cinema que hoje critica abertamente essas produções, quase se envolveu diretamente em uma.

Quando ainda estava em estágios iniciais, a Warner considerou Scorsese para o posto de diretor de Coringa, o que acabou não acontecendo. Mas em uma entrevista recente à rede de TV britânica BBC, o cineasta diz que considerou seriamente aceitar.

Ao ser perguntado sobre sua opinião sobre Coringa, ele disse:

“Conheço o filme muito bem. Conheço [o diretor Todd Phillips] muito bem. Minha produtora Emma Tillinger Koskoff o produziu. Eu pensei muito no filme pelos últimos quatro anos e decidi que não tinha tempo para ele. Não me envolvi por motivos pessoais. Mas eu conheço muito bem o roteiro. Tinha uma energia real e Joaquin. Um trabalho memorável.”

Na mesma entrevista, Scorsese explica por que acabou passando o projeto para frente:

“Finalmente, para mim, eu não sei se faria o próximo passo, esse personagem se transformando em um personagem de quadrinhos. Você me entende? Ele se desenvolve em uma abstração. Não quer dizer que seja uma arte ruim, apenas não é para mim… os filmes de super-heróis, como eu disse, são outra forma de arte. Eles não são fáceis de fazer. Há muitas pessoas realmente talentosas fazendo um bom trabalho e muitas pessoas jovens que realmente os adoram.”

Com o tempo, Martin Scorsese vem adotando um tom mais brando ao se referir sobre filmes de super-heróis, mas sem voltar atrás em sua posição. Como teria sido Coringa caso tivesse sido comandado por ele, só podemos especular.

Confira as imagens da produção de Coringa abaixo:

Fonte: Collider

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Redator, apresentador e roteirista. Gosto de longas caminhadas na praia, Star Wars, tokusatsu, anime e filé com batata frita. Deixo as pessoas constrangidas. Você pode trocar uma ideia comigo no Twitter: @aqueleraphael