Capa da Publicação

Coringa – Diretor fala que cena “insana” do filme teve que ser cortada!

Por Gus Fiaux

Coringa é um dos maiores sucessos da DC Comics nos cinemas, mesmo não fazendo parte do universo compartilhado habitado por outros heróis e vilões da editora. O longa já está quase arrecadando um bilhão de dólares na bilheteria mundial, e os responsáveis pela obra estão cada vez mais envolvidos na divulgação, dando detalhes de cenas deletadas e outros momentos que ficaram de fora do filme.

Agora, o diretor do filme, Todd Phillips, falou com os fãs em uma sessão de perguntas e respostas em um festival de filmes em Santa Bárbara. Na entrevista, ele explicou o processo de atuação de Joaquin Phoenix, e como o astro adorava fazer cenas mais improvisadas explorando a degradação mental do seu personagem:

“Então, outra coisa excelente sobre Joaquin é que ele está sempre tentando fazer coisas novas. Então, nós finalizávamos nossos dias mais cedo, às vezes, e começávamos a fazer coisas novas, Joaquin e eu. Nós chamávamos de… um estudo de insônia. Era a coisa divertida que fazíamos quando faltava uma hora do dia. Ligávamos a luz da cozinha e gravávamos algo na pia ou na geladeira, com apenas duas câmeras. Larry [Sher] operava uma e Jeff [Groth] ficava com a outra, e fazíamos essas coisas. A [cena da] geladeira foi uma dessas. Não estava no roteiro e Joaquin só improvisou. […] E quando ele vai no apartamento de Zazie [Beetz] e volta sozinho rindo, essa foi outra [cena improvisada].”

Além disso, Phillips também falou um pouco sobre alguma cena que foi cortada da versão final do longa. Era uma dessas cenas improvisadas, e envolvia Arthur Fleck em uma banheira. De acordo com o diretor, o motivo pelo qual a cena foi removida não tinha nada a ver com nudez:

“Havia duas ou três outras cenas que gravamos. Uma é uma sequência incrível em uma banheira, mas eu não acho que poderíamos incluí-la em um filme R-Rated, e nem é por ela ser pornográfica. É porque era insana.”

Embora não tenha explicado sobre o que se tratava a cena, já podemos notar que devia ser algo bem grotesco, a ponto de não ser permitida no corte final do filme – o que elevaria ainda mais a classificação indicativa. E a julgar pelos improvisos e pela atuação de Joaquin Phoenix, devia ter sido alguma cena bem extrema.

Na galeria abaixo, fique com imagens dos bastidores do filme:

Coringa está em cartaz nos cinemas.

Fonte: CBR

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux