Capa da Publicação

Vingadores: Ultimato – Teoria feita por fãs pode ter descoberto quem morrerá no filme!

Por Raphael Martins

Desde que o primeiro trailer de Vingadores: Ultimato foi lançado, fãs no mundo inteiro vem tentando antecipar os acontecimentos do filme através de discussões e teorias na internet. Algumas delas envolvem viagem no tempo, outras consideram manipulação quântica e outras falam até mesmo sobre universos paralelos.

Mas tem alguns fãs que se empolgam tanto que saem procurando nos filmes anteriores, um por um, alguma pista ou mensagem secreta que possa entregar qualquer detalhe do que ainda está por vir. E talvez eles tenham descoberto algo bem importante no segundo filme, Vingadores: Era de Ultron, onde há uma cena em particular que parece conveniente demais para ser só coincidência.

Nessa cena, os heróis estão reunidos tentando pensar em como parar Ultron, que está a solta em algum lugar do mundo maquinando (com o perdão do trocadilho) seu plano maligno. Tony Stark então se refere à invasão alienígena do primeiro Vingadores, a qual ele chama de “endgame” (que é o subtitulo original do novo filme, Ultimato), e pergunta ao Capitão America como eles vão resolver esse novo problema. Ele diz que resolverão juntos. Tony então diz que eles morrerão, ao qual o capitão responde: “Faremos isso juntos também.”

Você pode ver essa cena abaixo:

https://youtu.be/gq5ob3L8jbA?t=202

Segundo os fãs teóricos da conspiração, essa cena confirma que o Capitão América e o Homem de Ferro morrerão em Vingadores: Ultimato, fazendo o sacrifício final pelo bem da humanidade e de todo o universo. Será mesmo? Às vezes, essas teorias se provam certas… pode não ser nada, mas pode ser muito.

Fique com o primeiro pôster oficial de Vingadores: Ultimato em nossa galeria:

Vingadores: Ultimato estreia em 26 de abril de 2019.

Fonte: Comic Book

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Redator, apresentador e roteirista. Gosto de longas caminhadas na praia, Star Wars, tokusatsu, anime e filé com batata frita. Deixo as pessoas constrangidas. Você pode trocar uma ideia comigo no Twitter: @aqueleraphael