Capa da Publicação

Vingadores: Guerra Infinita – Roteirista fala sobre o “gatilho” das Joias do Infinito!

Por Guilherme Souza

Em Vingadores: Guerra Infinita, finalmente pudemos ver Thanos enfrentando os Vingadores e mostrando seu real poder, na verdade, mostrando o real poder das Joias do Infinito. Embora os Vingadores tenham perdido a luta e Thanos tenha concretizado seu objetivo, muitos estranharam o fato do vilão ter que fechar seu punho para que ele pudesse usar o poder das Joias.

Na versão comentada do filme, o roteirista Stephen McFeely falou um pouco sobre isso, revelando que o “gatilho” foi um truque necessário do roteiro para que Thanos tivesse alguma desvantagem enquanto estava combatendo os Vingadores, já que as Joias lhe permitiam fazer qualquer coisa.

“Como você pode imaginar , quando você tem uma manopla que tem poder quase ilimitado, e toda vez que você usa, você pode fazer o que quiser…queríamos criar algumas regras físicas mínimas que permitisse que as pessoas entrassem em uma luta contra ele, então a ideia que tivemos, sabe, era que ele fechasse seu punho para usar uma Joia e isso era o mínimo para nos permitir que uma luta acontecesse,” disse McFeely.

 

“Então cada escolha que eles estavam fazendo, você irá notar isso no último minuto de luta, era para impedir que ele fechasse o punho. Desde o Peter jogando teias até a capa se agarrando em volta dele,” adicionou o diretor Joe Russo.

Considerando que a manopla de Thanos foi forjada pelo anão Eitri, o acessório era mais do que um aparato de contenção para as Joias e sim, uma arma que canalizava o poder delas. Dito isso, faz sentido que ela precise de um gatilho para ser ativada.

Veja imagens de Brie Larson nos bastidores das gravações de Capitã Marvel, próximo filme da Marvel Studios:

Fonte: CB

Imagem de perfil
sobre o autor Guilherme Souza

Outra grande manchete: 'Água, molhada!'