Capa da Publicação

Sabrina – Presidente da CW explica porque a série passou para a Netflix!

Por Leo Gravena

Algum tempo atrás foi revelado que Sabrina, Aprendiz de Feiticeira iria ganhar um reboot sombrio na CW. Logo depois foi revelado que a série, na verdade, seria desenvolvida para a Netflix.

De acordo com o The Hollywood Reporter, o reboot de Sabrina foi vendido para a Netflix por dois motivos, primeiro, devido ao reboot de Charmed que também está sendo desenvolvido pela CW e CBS. Porém, o que realmente fez com que Sabrina fosse para a Netflix foi que a Warner Bros teria controle total sobre a propriedade e não teria que dividir os lucros com a CBS, como ocorre com Riverdale e outras séries da CW.

Durante o Television Critic’s Association, o presidente da CW, Mark Pedowitz, falou com o Deadline sobre o motivo deles terem abandonado a série Sabrina, que seria um reboot mais sombrio da clássica série Sabrina, Aprendiz de Feiticeira.

“Eu estava ciente, eu estava muito envolvido com [o presidente da WBTV] Peter [Roth] sobre tudo isso, foi uma decisão que eu entendi de um ponto de vista comercial. Netflix ofereceu para eles um acordo de dois anos, nós não íamos fazer isso. Netflix tem tido muito sucesso e deveriam ganhar crédito por ter nos ajudado a popularizar Riverdale e nossos caras recebe muito crédito por trazer os caras que assistiram na Netflix de volta para o canal e nosso site digital. Eu desejo o melhor para eles”.

Segundo os rumores, a série de Sabrina foi deixada de lado porque a CW também estava trabalhando em um outro reboot sobre bruxas: Charmed, que conta a história de três irmãs bruxas com poderes, provavelmente, ter duas séries sobre bruxas não era o que a CW queria, porém, segundo Pedowitz, este não foi o motivo:

“A similaridade real entre as séries é bruxas, ambas são conceitos bem diferentes em como serão tratados – uma tem o estilo de Roberto Aguirre-Sacasa, outra tem o de Jenny Urman – contadores de histórias muito diferentes, versões muito diferentes do que as séries deveriam ser”.

Animados para ver um tom mais sombrio da poderosa bruxinha? Não deixe de comentar!

Confira abaixo a primeira arte conceitual da série e, logo depois, imagens de Riverdale:

Imagem de perfil
sobre o autor Leo Gravena

Editor-Chefe | @LeoGravena
"...It was never going to be okay..."