Pantera Negra – Produtor revela que ideia original era fazer um filme de origem!

Capa da Publicação

Pantera Negra – Produtor revela que ideia original era fazer um filme de origem!

Por Lucas Rafael

A adaptação de Pantera Negra para as telonas sofreu diversos atrasos, sendo que anteriormente, a Columbia Pictures queria realizar o filme, colocando o astro Wesley Snipes como protagonista. No entanto, o projeto nunca foi pra frente, com os direitos do herói sendo readquiridos pela Marvel Studios. Só depois de Chadwick Boseman aparecer em Guerra Civil que a adaptação do rei de Wakanda começou a tomar forma.

Parte deste atraso constante na realização de um filme sobre Pantera Negra ocorreu graças aos problemas da equipe criativa em desenvolver uma história de origem ao personagem. Até que eles perceberam que na realidade, não precisavam.

Em uma entrevista recente com o Empire, o produtor do longa, Nate Moore, falou sobre o início do desenvolvimento do filme em 2010, até Guerra Civil, quando finalmente descobriram como trabalhar o personagem dentro do Universo Cinematográfico Marvel.

“Então, em 2010, começamos a desenvolver o filme solo, e com um escritor muito talentoso [Joe Robert Cole]. Logo nos vimos caindo nas armadilhas de um filme sobre história de origem e aquela estrutura meio familiar que não era tão empolgante quanto queríamos que fosse. Então, colocamos na estante por um tempo. Não foi até desenvolvermos Capitão América: Guerra Civil que vimos uma oportunidade de apresentar o personagem de maneira diferenciada – que serviria ao filme muito bem, que seria um grande lançamento ao personagem, permitindo também para nós fazermos um filme que pularia todas as armadilhas de uma história de origem, simplesmente contando uma história legal.”

O que você achou da incursão de T’Challa no UCM? Já foi assistir Pantera Negra? Fale pra gente nos comentários.

Confira nossa galeria do filme:

Pantera Negra já está em cartaz nos cinemas.

Via: SR

Imagem de perfil
sobre o autor Lucas Rafael

Redator. Entusiasta de coisas demais