Capa da Publicação

Attack on Titan: 3×10 – Praticamente um spin-off!

Por Felipe Vinha

Dando uma breve pausa nos acontecimentos dos capítulos passados, Attack on Titan respira para virar sua atenção a Kenny, um dos antagonistas deste atual temporada – mas que não durou tanto quanto imaginávamos.

Antes de perecer, porém, soubemos mais de sua história. Kenny tem relações familiares com Levi e, com possivelmente, Mikasa. Não é exatamente uma surpresa, mas o anime tenta humanizar seu vilão, se é que dá pra considerá-lo assim, de maneira até que acertada.

Levando em conta que Attack on Titan estava em um ritmo acelerado depois de alguns capítulos mais agitados, que por sua vez vieram após um longo arco político, foi interessante ver como a história conseguiu pausar e ainda prender a atenção do espectador, sem deixar que a audiência respire por muito tempo.

Não por um acaso, a saga de Kenny foi contada apenas em metade do episódio. Aliás, pegando emprestado também detalhes do spin-off em mangá focado em Levi, “Sem Arrependimentos”, que já saiu no Brasil, inclusive. Foi bem divertido de ver esse tipo de conteúdo ser adaptado.

Quanto ao restante do episódio, a outra metade, poucas novidades até aqui. Tivemos, sim, cenas emocionantes, como a coroação de Historia Reiss. Ainda é impressionante ver o quanto essa menina evoluiu, principalmente por ter sido uma personagem quase que terciária em toda a temporada inicial do anime.

E, claro, não poderia deixar de ser, o final do capítulo trouxe o prenúncio de algo grande que deve acontecer. Se você já leu o mangá, sabe o que vem pela frente. Se você não leu… Bem, é hora de apertar os cintos.

Fique ainda com imagens deste episódio de Attack on Titan, em nossa galeria:

Attack on Titan é exibido aos domingos, na Crunchyroll, com transmissão simultânea às 15h.

Imagem de perfil
sobre o autor Felipe Vinha

Já tentei salvar o mundo de uma invasão alienígena, mas hoje me contento em ser jornalista. Gosto de quadrinhos e suas adaptações na TV ou cinema, animes, tokusatsu, games (de luta principalmente) e tecnologia. Vamos trocar uma ideia no Twitter @felipevinha