Capa da Publicação

Ator de Game of Thrones critica os filmes da Marvel pela falta de atores e personagens gays!

Por Guilherme Souza

Por mais que a Marvel Studios tenha inovado ao fazer um filme estrelado por um super-herói negro e que representa uma nação africana inteira, o estúdio ainda precisa dar uma atenção melhor para outros grupos de minorias, se sua intenção for realmente ir a fundo com isso nas telonas.

Capitã Marvel, próximo lançamento do estúdio, terá como missão representar o poder feminino ao nos mostrar o primeiro filme de super-heróis da Marvel estrelado por uma mulher, mas em seus 10 anos de história, um grupo parece ter sido esquecido, os LGBT+, tanto dentro quanto fora das câmeras.

Em uma recente entrevista, o ator Kit Harington, o Jon Snow de Game of Thrones, se disse incomodado com o fato de não vermos um ator abertamente gay interpretando um super-herói da Marvel. Felizmente, o ator preferiu não generalizar sua declaração, já que o Flash dos atuais filmes da DC Comics, é interpretado por Ezra Miller, um ator que se orgulha de sua homossexualidade publicamente.

“Há um grande problema com a masculinidade e a homossexualidade de que eles não podem, de alguma forma, andar de mãos dadas”, disse o ator. “Que não podemos ter alguém em um filme da Marvel que seja gay na vida real e interprete algum super-herói. Quero dizer, quando isso vai acontecer?”

Considerando que a Disney, detentora dos filmes da Marvel Studios, é uma companhia extremamente conservadora, faz sentido que os heróis da Marvel nos cinemas ainda não tenham tido a chance de se mostrarem LGBT+, entretanto, aos poucos as coisas parecem estar evoluindo, mesmo que lentamente. Infelizmente, a Valquíria teve sua sexualidade escondida em Thor: Ragnarok, mas nunca é tarde para fazerem o certo.

Fique com imagens de Capitã Marvel em nossa galeria:

Fonte: CBR

Imagem de perfil
sobre o autor Guilherme Souza

Outra grande manchete: 'Água, molhada!'