Capa da Publicação

Watchmen – Produtor explica porque a HQ será adaptada para a TV!

Por Gus Fiaux

Após ter sido adaptada pelas mãos de Zack Snyder, em um filme lançado em 2009, a graphic novel mais aclamada de todos os tempos está sendo desenvolvida como uma série de TV, a ser exibida pela HBO. Baseada na obra homônima de Alan Moore e Dave Gibbons, Watchmen terá Damon Lindelof como produtor executivo e showrunner, e o ex-produtor de Lost conversou com a imprensa durante o Vulture Festival LA, onde acabou dando detalhes sobre seu envolvimento com a série.

“Watchmen será perigoso… E você não pode ser perigoso apenas porque quer ser perigoso. A razão pela qual estou fazendo essa série é que são tempos perigosos, e precisamos de séries perigosas.

O produtor continuou, e falou um pouco sobre a necessidade de uma série como Watchmen, em um mundo onde somos bombardeados semanalmente com novas séries e filmes de super-heróis:

“O que pensamos sobre super-heróis está errado. Eu amo os filmes da Marvel e fui ver Liga da Justiça essa manhã, e adoro a Mulher-Maravilha e o Batman. Eu cresci com esses personagens, mas não devemos confiar em pessoas que colocam máscaras e dizem estar fazendo o melhor para nós. Se você esconde seu rosto, você não tem boas intenções.”

Por fim, ele ainda falou um pouco a respeito de Alan Moore. Criador da graphic novel, o quadrinista já deu diversas declarações públicas onde se mostrou extremamente averso à qualquer adaptação cinematográfica e televisiva de suas obras, tendo inclusive abominado o filme de Snyder. Ainda assim, Lindelof se sente na obrigação de honrar o lendário escritor:

“[Ele é] o maior escritor na história das histórias em quadrinhos, e talvez um dos maiores escritores de todos os tempos – e ele quase certamente não quer que façamos o que estamos fazendo agora, mas ainda assim estamos tentando fazer de modo que honre ele. A história foi escrita em meados de 1980, e é mais atual do que nunca, ou em 2018, 2019 – quando quer que seja que a série seja lançada. Ser for lançada, é uma história que precisa ser contada. Para um aficionado por super-heróis, eu nunca tinha feito um filme ou série de super-heróis na vida, mas agora é a hora.”

Por mais que Lindelof não tenha dado detalhes concretos a respeito da trama, dos personagens ou mesmo da narrativa, é interessante considerar suas palavras a respeito da inclusão de Watchmen como comentário social e cultural sobre o que vivemos atualmente e sobre a retratação dos super-heróis pela mídia. Vale lembrar que esses mesmos fatores foram os responsáveis pelo extremo sucesso da graphic novel na época de seu lançamento.

Abaixo, não deixe de conferir algumas coisas que adoraríamos ver na nova série de Watchmen:

Ainda não há previsão de lançamento para a série.

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux