Capa da Publicação

Mulher-Maravilha – Produtor fala da diferença entre a heroína e outros personagens como Batman e Superman!

Por Lucas Rafael

Os cinemas são inundados todos os anos por um grande número de super-heróis. Estúdios como a DC e a Marvel sempre trazem mais heróis para a vida, e a gente só tem a agradecer.

No entanto, tem quem esteja ficando saturado da quantidade de filmes de super-herói, ainda mais aqueles que repetem a mesma fórmula inúmeras vezes. Histórias de origem, por exemplo, já começam a mostrar sinais de desgaste nas telonas.

O próximo filme da DC para os cinemas será uma história de origem. Estamos falando de Mulher-Maravilha, protagonizado por Gal Gadot. O filme contará como a Amazona se tornou a heroína durante a primeira guerra mundial.

O produtor do filme, Charles Roven, contou em uma entrevista para a Sci-Fi Now como Mulher-Maravilha será diferente dos outros filmes da produtora em sua origem:

Se você olha para Homem-Aranha, Batman, Superman e Homem de Ferro, nenhum deles começou falando “Eu vou ser um protetor. Vou ser um grande guerreiro. Vou cumprir meu destino porque quero emular pessoas as quais cresci ouvindo histórias sobre, o que eles fizeram para as pessoas, o que eles fizeram para a humanidade, o que eles fizeram para as pessoas que eles estavam protegendo quando não podiam proteger a si mesmos.”

Roven continuou:

Eu acho que Mulher-Maravilha é a única que começa dizendo: “Esse é o meu destino e vou perseguir isso e nada vai me impedir, nem mesmo minha mãe…”

Por fim, o produtor afirmou que são essas atitudes de Diana que fazem dela um “tipo bem diferente de super-herói”.

E aí, acha que as motivações da personagem podem fazer a diferença em sua história de origem? Fale pra gente nos comentários.

Confira nossa galeria do filme:

Mulher-Maravilha está em cartaz nos cinemas.

Fonte: ComicBook

Imagem de perfil
sobre o autor Lucas Rafael

Redator. Entusiasta de coisas demais