Capa da Publicação

Mulher-Maravilha – Gal Gadot fala sobre controvérsias envolvendo o traje da heroína!

Por Leo Gravena

Mulher-Maravilha está chegando aos cinemas em um ótimo momento, onde tem se havido muito mais conversas sobre direitos das mulheres e igualidade em geral. Contudo, mesmo tendo sido um simbolo feminista por muitos anos, muitos fãs vêm criticando a roupa de Gal Gadot.

Alguns meses atrás, a Mulher-Maravilha, como personagem, tornou-se uma embaixadora honorária da ONU, contudo, ela acabou perdendo o título devido várias críticas e abaixo-assinados que ofendiam a maneiras como a personagem é retratada nos quadrinhos e outras mídias. Em uma entrevista com o The New York Times, Gadot falou sobre os problemas e porque o traje da heroína não deveria importar:

“Acho que, como uma feminista, você poderia ser capaz de vestir o que você quiser! De qualquer forma, existe uma ideia errada desse conceito. Feminismo é sobre igualdade e escolhas e liberdade. E os escritores, Patty [Jenkins, diretora do filme] e eu todos descobrimos a melhor maneiras de mostrar Diana como não tendo noção de papéis sociais. Ela não te limitações de gênero. Para ela, todos são iguais”.

Gadot também deixa claro que mais que tudo, deseja que Mulher-Maravilha inspire toda uma geração de fãs femininas, mas ela quer inspirar também aos homens:

“Nós vimos tantas histórias focadas em homens, então quando mais narrativas femininas e fortes tivermos, melhor. Eu tenho certeza de que o filme irá inspirar várias garotas, mas você não pode empoderar mulheres sem empoderar homens também. Eu espero que a Mulher-Maravilha se torne um ícone para eles, também”.

 

Ansiosos para o filme? Falta menos de um mês para a estreia! Confira abaixo algumas imagens:

Mulher-Maravilha está em cartaz nos cinemas.

Imagem de perfil
sobre o autor Leo Gravena

Editor | @LeoGravena
Escrevo sobre cultura geek na internet desde 2012
"Don't look back -- the past is exactly where it belongs."