Capa da Publicação

Logan – Maquiador fala sobre a violência e mortes do filme!

Por Cristiano Rantin

Atenção: Alerta de Spoilers!

Talvez a melhor forma de encarar essa “feiura” do filme é analisar Wolverine, que é apresentado de maneira mais debilitada e velha, com suas feridas grotescas e bastante realistas e todas as cicatrizes que estão presentes em seu corpo. Temos também toda a fragilidade do Professor Xavier com seus cabelos ralos e a pele que aparenta estar extremamente delicada.

Acho que nesse momento já deu pra entender do que estamos falando, não? É graças a maquiagem do artista Joel Harlow, e sua equipe, que conseguimos ter esses efeitos visuais tão importantes no contexto do filme.

O maquiador falou sobre sua difícil missão de envelhecer os atores e garantir que suas mortes fossem memoráveis:

O olhar que ele [Wolverine] tem no final é apenas a progressão do que ele teve que lidar ao longo do filme – especialmente depois da sua última batalha contra o X-24 e Pierce, ele recebe muitos danos disso”, explica Harlow. “Isso foi apenas uma continuação do sangue que foi espirrando nele por causa do X-24… Feridas abertas, tiros. Tudo isso.”

Harlow, que já havia trabalhado por uma semana em X-Men: O Filme, deixa claro que é um grande fã da franquia como espectador e que se dedicou inteiramente a produção de Logan.

“Surgir como esse cara novo e matar dois personagens tão importantes, as pedras que sustentam a franquia toda, foi uma tremenda responsabilidade e foi algo que nós não fizemos de maneira leviana”.

Apesar de não trabalhar em filmes com a censura +18, no quesito violência, há muitos anos e ter que passar por um período de ajuste para isso, Harlow só foi repensar seu trabalho durante a primeira luta do filme – quando Laura enfrenta os antagonistas.

Eu disse, ‘Ok, quer saber? Nós vamos ter que reesculpir todas essas feridas’. Nós vamos ter que extrapolar o limite do que já havia sido feito, pois esse é o filme que estamos fazendo”, recorda o artista.

Sobre a cena em que X-24 assassina de maneira brutal uma família inteira, ele é direto:

Foi algo trágico. E você não quer entender entregar uma cena inferior a isso com alguns arranhões. Como chefe do departamento de maquiagem, sabia que era preciso algo mais gráfico. Era necessário que isso fosse intenso para que você realmente sentisse algo por esses personagens. Não havia espaço no filme para suavizar isso”, argumentou Harlow.

Você pode conferir nossa galeria com algumas imagens do filme abaixo:

Logan já está nos cinemas.

Fonte: Hollywood Reporter

 

Imagem de perfil
sobre o autor Cristiano Rantin

Jornalista • Mestrando em Comunicação Social pela UEL • Bruxo • Twitter: @ChrisRantin • "Eu sou o fogo e a vida encarnados. Agora e para sempre eu sou a Fênix!"