Capa da Publicação

Fullmetal Alchemist – Diretor do anime critica filme por ter apenas atores asiáticos no elenco!

Por Chris Rantin

Não é fácil agradar todo mundo quando o assunto é adaptação de um mangá/anime para os cinemas em uma produção em live-action. Quando o filme não sofre críticas – e boicote – por escalar atores brancos para personagens asiáticos, o que é chamado de Whitewashing (como aconteceu com A Vigilante do Amanhã: Ghost in the Shell e Death Note) ele pode ser criticado justamente por escalar apenas asiáticos, como está acontecendo com Fullmetal Alchemist.

Criado pela mangaká Hiromu Arakawa, Fullmetal Alchemist narra a história de Edward e Alphonse Elric, que partem em uma jornada mágica repleta de alquimia, se vendo em meio a conspirações internacionais e vários perigos. Na adaptação em live-action, feita por um estúdio japonês, todo o elenco é composto por atores asiáticos, uma escolha que Seiji Mizushima, diretor do anime, considera um problema.

Foi uma má ideia usar apenas atores japoneses… Se você me perguntasse se eu acho que o elenco consegue ter sucesso nisso, eu diria que não, eles não conseguem,” disse o diretor no Nikufes Festival deste ano, em Tokyo (via Anime News Network). “É difícil para atores capturarem a aparência e o sentimento do mangá original.”

Aparentemente o problema de Mizushima é muito além da questão racial, buscando simplesmente respeitar o trabalho do mangá que tem sua história localizada em uma localização fictícia – mais inspirada pela Europa do que pelo Japão. Ainda assim, é bastante interessante notar que, quando o estúdio não é criticado por deixar atores asiáticos de fora, ele acaba sendo criticado por contratar apenas atores asiáticos.

Estão animados para a estréia do filme? Comentem!

Confira abaixo a nossa galeria sobre o longa:

Fullmetal Alchemist chega aos cinemas japoneses em 1º de Dezembro.

 

Imagem de perfil
sobre o autor Chris Rantin

Jornalista • Editor • Mestrando em Comunicação pela UEL • Instagram e Twitter: @Chris_Rantin • "Eu sou o fogo e a vida encarnados. Agora e para sempre eu sou a Fênix!"