Capa da Publicação

Congresso norte-americano irá investigar a compra da Fox pela Walt Disney!

Por Gus Fiaux

Na última quinta-feira, o mundo parou para observar enquanto a Walt Disney anunciava a compra de todo o conglomerado de entretenimento – cinematográfico e televisivo – da 21st Century Fox, o que causou um grande alvoroço na mídia mundial.

Desde então, muitos analistas têm se reunido para discutir os efeitos da compra, e como isso pode afetar a indústria cinematográfica de Hollywood em uma escala absurda. E agora, isso também se tornou um assunto recorrente na política interna dos Estados Unidos.

A senadora Amy Klobuchar, do partido democrata, é líder de um subcomitê do Senado Judiciário responsável por analisar e discutir movimentos comerciais que podem se aproximar da prática de monopólio. Ela já convocou audiências para investigar a venda da 21st Century Fox, e em entrevista, disse que o acordo com a Disney é “outra fusão de grande impacto na indústria, que causaria grandes implicações para a televisão, os cinemas e outras mídias. Fico preocupada com o impacto dessa transação para os consumidores americanos.”

Na Casa dos Representantes, o democrata David Cicilline também está investigando a transação, e em declaração, disse o que o preocupa a respeito da venda:

“A proposta compra da 21st Century Fox pela Disney ameaça por o controle da TV, dos cinemas e conteúdo de notícias nas mãos de um único gigante midiático. Se for aprovado, essa fusão pode permitir à Disney limitar o que os consumidores podem ver e aumentar suas assinaturas de TV paga. A Disney vai ganhar mais de 300 canais, 22 redes de esportes regionais, controle sobre a Hulu e uma significativa parcela da Roku.

Por enquanto, a Walt Disney ainda não fez nenhuma declaração sobre o assunto, mas o CEO Bob Iger afirma que a transação pode vir para movimentar a economia americana, e para gerar concorrência com grandes gigantes do streaming, como a Amazon Prime e a Netflix. 

A transação deve demorar de 12 a 18 meses para ser concluída, e precisa da aprovação do Departamento Judiciário antes de ser oficializada. O Congresso dificilmente poderá interferir na compra, mas esse tipo de audiência é comum quando esse tipo de evento ocorre. Algo similar já aconteceu assim que a AT&T anunciou sua fusão com a Time Warner Company. 

Nós também listamos alguns motivos de como a venda pode afetar o mercado Hollywoodiano, e você pode lê-los abaixo:

Fonte: Comic Book

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux