Capa da Publicação

Boruto: Ep. 29 – Uma luta pela Névoa Sangrenta!

Por Márcio Jangarélli

Mesmo que o arco em si não esteja lá dos melhores, quando subverte alguns pontos centrais do protagonista que tinham sido apresentados no filme original – que se passa bem depois dessa história toda – temos que dar o mérito para Boruto da trama não enrolar. O arco da Vila da Névoa entrou em seu ápice nesse episódio, com o início da batalha entre os “novos” Sete Espadachins e o time Boruto.

Particularmente, eu esperava mais desse arco quando começou, mas ainda é bem bacana rever as espadas lendárias e seus poderes absurdos. Ninguém nem tocou no assunto desses ninjas serem jovens e, provavelmente, inexperientes demais para usarem elas, mas vamos lá, né? Para quem acompanhou Naruto, é só lembrar o quanto a Samehada era uma espada mimada e gulosa por chakra, que mataria um ninja comum só por segurá-la.

Pelo menos, a decisão do Chojuro foi a mais sensata, ouvindo o Boruto: mesmo que sejam armas lendárias e ninjas de clãs perigosos, ainda é só uma briga de crianças, não há necessidade de mobilizar um batalhão de guerra. Ele próprio deve dar conta de boa parte dos jovens espadachins sozinho – não se deixem enganar por terem prendido o Mizukage daquela forma, esse é aquele clássico movimento narutinho do herói. Até porque, lembrando, o Boruto e a Sarada não deviam ser capazes de lidar com ninjas tão experientes assim nesse momento.

Uma coisa legal que deve rolar é que o Mitsuki está para entrar em ação de verdade nessa batalha. Foi interessante ver o encontro dele com o Suigetsu e entender um pouco mais da relação que ele mantém com o Orochimaru e, se as divindades ninjas ajudarem, poderemos contemplar um pouco do quão monstruoso esse rapaz é muito em breve.

Algumas coisas para serem levadas em conta: como era de se esperar, a Samehada ficou com o Shizuma, porém, diferente do que conhecemos da espada em Naruto, ela não respondeu ao rapaz uma única vez até agora. Seria aquela espada mesmo a Samehada? E, se sim, o Shizuma é poderoso o suficiente para usá-la? Se todas as respostas forem sim, talvez o perigo desse arco seja maior que o esperado – faria sentido, afinal de contas temos o Mizukage, o Mitsuki e o Suigetsu no lugar.

No mais, pelo menos teremos destaque para a Sarada, que terá que aprender a usar o Sharingan na marra no próximo capítulo. Seguindo essa ideia, o Boruto provavelmente deve lutar contra o Kagura mais uma vez e o Shizuma vai ficar reservado como “final boss”.

Mas e vocês, o que acharam do episódio? Ansiosos para a próxima semana? Não esqueçam de comentar!

Confira nossa galeria com imagens de Boruto:

Você pode assistir Boruto: Naruto Next Generations, todas as quartas-feiras, pela Crunchyroll. E não percam nossa review semanal do anime, todas as sextas, aqui na LH!

Imagem de perfil
sobre o autor Márcio Jangarélli

Assessor, redator e jornalista. Madonna de Jakku.