Capa da Publicação

X-Men – Bryan Singer fala sobre a nova linha do tempo da franquia!

- – X-Men: Dias de um Futuro Esquecido apagou completamente os eventos dos filmes da trilogia original. No entanto, a cena final do longa de 2014 nos diz muito mais do que parece.

Por Felipe de Lima “[Essa nova linha do tempo] não está necessariamente culminando no momento em que encontramos Patrick Stewart e os X-Men no começo de X-Men: O filme. Disse o diretor Bryan Singer em uma entrevista com o Collider, onde ele explica a nova linha do tempo da franquia. “Existem coisas que vão naquela direção, isso foi parte da filosofia do final de Dias de um Futuro Esquecido, de que você não pode mudar completamente o curso do rio, o máximo que se pode fazer é criar ondulações, e nós criamos ondulações. Então algumas coisas serão surpresa, pessoas que estavam vivas em X-Men: O filme, X-Men 2, e O Confronto Final podem morrer, e pessoas que estariam mortas podem sobreviver”.

Singer confirmou que a trilogia original e os dois filmes do Wolverine foram apagados da linha do tempo, “O que eu estou fazendo nesses filmes é brincar com a imutabilidade do tempo e o conceito de prelúdio, significa que nós apagamos aquelas histórias e tudo pode acontecer. O espectador pode ir assistir a um filme esperando que tudo pode acontecer”.

No entanto, existe algo que Singer chama de “A Cena Tivo”, onde Hank McCoy explica a “ideia de que o tempo é como um rio, você pode mexer, bater, jogar pedras, mas ele eventualmente vai corrigir seu curso e isso é, novamente, teoria de física quântica. É tudo baseado em teoria de física quântica”. De acordo com o diretor, o fato de Hank discutir a teoria da imutabilidade do tempo define o que ele está fazendo com esse universo, algo que Simon Kinberg esclareceu ao afirmar que a cena do futuro no fim de Dias de um Futuro Esquecido “mostra o destino final desses personagens”.

No entanto, é bom a gente se manter atento, porque quando se trata de X-Men, nada é definitivo.

X-Men: Apocalipse já está em exibição nos cinemas!

Imagem de perfil
sobre o autor Felipe de Lima

Pelo poder da verdade, eu, enquanto vivo, conquistei o universo. Me segue no twitter @tearsgodown