Guerra Civil – Escritores falam sobre o problema dos vilões da Marvel no cinema!

Capa da Publicação

Guerra Civil – Escritores falam sobre o problema dos vilões da Marvel no cinema!

Por Felipe de Lima

Os escritores de Capitão América: Guerra Civil, Stephen McFeely e Chris Markus comentaram essa questão em uma entrevista com o Joblo, onde revelaram que não querem seguir pelo mesmo caminho com o Thanos. “Parando pra pensar, eu entendo as críticas,” Disse McFeely, “mas as fases iniciais foram todas histórias de origem. Isso tende a criar vilões parecidos. Quando deixa de ser uma história de origem nós ganhamos mais liberdade para criar vilões diferentes. Eu entendo o problema”. 

McFeely também comentou especificamente sobre os dois primeiros filmes do Capitão América. “Não era a história do [Alexander Pierce de] Robert Redford, era Capitão América: O Soldado Invernal. Não era a jornada do Caveira Vermelha [de Hugo Weaving], era a jornada de um cara magrinho que se tornou um herói americano e em seguida ficou 70 anos congelado. Então, fazer tudo isso em 120 minutos é difícil, e o Thanos vai possivelmente mudar isso”.Quanto aos vilões das séries da Netflix em parceira com a Marvel, McFeely acredita que eles tendem a se sair melhor por ter mais tempo de tela. “Eu amo o que a Marvel e a Netflix mostram porque você tem muito mais tempo para passar com seus vilões. São, literalmente, horas gastas. Nós temos 120 minutos e Jessica Jones teve tudo aquilo que teve”. 

Vocês acreditam que a Marvel tem um problema com vilões? Não se esqueçam de comentar!

Capitão América: Guerra Civil já está em exibição nos cinemas!

Imagem de perfil
sobre o autor Felipe de Lima

Pelo poder da verdade, eu, enquanto vivo, conquistei o universo. Me segue no twitter @tearsgodown