Capa da Publicação

O Espetacular Homem-Aranha – Roteirista revela porque teias orgânicas não foram utilizadas!

Por Gus Fiaux

Em 2000, a Marvel lançou o Universo Ultimate, uma linha que permitia aos artistas uma aproximação mais contemporânea de heróis já consagrados. O roteirista Brian Michael Bendis foi encarregado do Homem-Aranha, e escreveu mais de 200 edições do personagem, então era de se esperar que a Sony utilizasse o artista como consultor criativo para a segunda franquia cinematográfica do herói, iniciada em 2012. Bendis revelou ao Yahoo que ele é o responsável por fazer o Homem-Aranha ter atiradores de teia e não teias orgânicas, como na trilogia de Sam Raimi.

“Sim, já fui antes. Eles me pediram para dar o voto decisivo em algumas coisas, o que é uma experiência estranha. Me levaram ao escritório de Amy Pascal, uma sala cheia de produtores, roteiristas e diretores e ela olhou pra mim e disse ‘Lançadores mecânicos ou teia orgânica?’. Eu disse ‘Mecânicos’ e metade da sala disse ‘Maldição!’ Eles estavam loucos porque eu claramente era o voto decisivo, mesmo que eu não soubesse disso. Então, quando vejo os lançadores de teia, me sinto um pouco feliz. Sinto como se tivesse feito algo bom ao mundo.”

Fonte: Yahoo

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux