Capa da Publicação

Chris Evans explica porque Capitão América e Homem de Ferro brigarão em Guerra Civil!

Por Leo Gravena

Estes acordos serão criados por causa da batalha em Sokovia, pois diversos governos no mundo não gostam que os Vingadores não sejam supervisionados. Evans admitiu que ele acabou concordando mais com o ponto de vista de Tony Stark quando leu o roteiro pela primeira vez.

“Tony acha que deveríamos assinar esses acordos e sermos supervisionados por alguém e o Cap, que sempre foi um ‘Homem da Companhia’ e sempre foi um soldado, na verdade não confia em mais ninguém. Dado os eventos de Cap 2, eu acho que ele se sente mais seguro liderando a si mesmo,” Evans disse para a multidão. “E essas preocupações são compreensíveis, mas isso é difícil, porque quando lendo o roteiro, eu acabei concordando com o Tony de certa forma e eu concordo que para fazer isso funcionar, você tem que se render ao grupo. Não pode ser apenas uma pessoa dizendo o que é o certo e que é isso o que iremos fazer”.

“Mas o Cap tem seus motivos, ele certamente tem seus motivos, e ele é um bom homem e sua bússola moral, provavelmente, é a mais limpa,” Evans adicionou. “Isso é algo difícil, contudo. Isso é o que tornou as coisas interessantes enquanto filmávamos e espero que seja isso que faça do filme ótimo, é que ninguém está certo, ninguém está errado. Não tem um cara claramente mau aqui. Nós dois temos um ponto de vista, que é o que ocorre em diversas divergências na vida e na política”.

Capitão América: Guerra Civil chega aos cinemas brasileiro em 28 de abril de 2016. Confira abaixo algumas fotos do set:

Erro: Galeria/Lista não encontrada ou não publicada

Fonte: CB

Imagem de perfil
sobre o autor Leo Gravena

Editor | @LeoGravena
"...It was never going to be okay..."